Enquanto eles estiverem vivos.

 

Às vezes, basta apenas um telefone
Ou uma palavra que a gente escreve
Para alguém que espera
E espera por um amigo ou irmão

Para aqueles que perdemos de vista
Porque a vida
Os mudou de rua

O tempo é um ladrão
Um desencanto
Uma ampulheta sem coração

Devemos dizer te amo
A todos aqueles que amamos
Enquanto estiverem vivos, vivos

Devemos dizer te amo
A todos aqueles que amamos
Enquanto for tempo, ainda tempo.

Quando penso em minha mãe
Que eu deveria ter amado como uma oração

E teu olhar de mulher
Que me comove,  porque tu és minha mulher

A vida é apenas um flash,
Uma ilusão
Que desaparece no ar

O amor, aquele que damos
É uma chave
Quem faz os homens viverem

Devemos dizer te amo
A todos aqueles que amamos
Enquanto estiverem vivos, vivos

Devemos dizer te amo
A todos aqueles que amamos
Enquanto for tempo, ainda tempo.

Devemos dizer te amo
A todos aqueles que amamos
Enquanto estiverem vivos, vivos

Devemos dizer te amo
A todos aqueles que amamos
Enquanto for tempo, ainda tempo.

Um dia, será suficiente
Com um simples gesto
Escutar suas vozes

Para que minha vida se ilumine
Numa luz
Que me acompanhará

Devemos dizer te amo
A todos aqueles que amamos
Enquanto estiverem vivos, vivos

Devemos dizer te amo
A todos aqueles que amamos
Enquanto for tempo, ainda tempo.

Devemos dizer te amo
A todos aqueles que amamos
Enquanto estiverem vivos, vivos

Devemos dizer te amo
A todos aqueles que amamos
Enquanto for tempo, ainda tempo.

Devemos dizer te amo
A todos aqueles que amamos
Enquanto estiverem vivos, vivos

Hoje é o dia de Saint-Valentin.
No Canadá, como em outros países, é a festa do amor. Uma música para os apaixonados.

Gostei muito deste vídeo que compartilhei do Facebook. Não tinha título, não sei quem é o autor, mas o texto é lindo. Foi publicado por Maria Christina Rodrigues Menezes.