Escritora Negra

 

conceição-evaristo-720x430
Conceição Evaristo, uma das maiores escritoras nacionais afro-brasileiras, nasceu em uma comunidade da zona sul de Belo Horizonte. É mestra em Literatura Brasileira pela PUC-Rio, é doutora em Literatura Comparada pela Universidade Federal Fluminense.
Membro da Academia Brasileira de Letras ocupou a cadeira número 7, originalmente ocupada por Castro Alves. Nas suas obras de poesia e ficção é notória a valorização da cultura negra e a análise do panorama social brasileiro.
Fonte: Cultura Genial, Wikipédia a enciclopédia livre
Imagem: escolaeducacao.com.br

Conceição Evaristo – Vozes Mulheres

A voz de minha bisavó
ecoou criança
nos porões do navio
ecoou lamentos
de uma infância perdida

A voz de minha avó
ecoou obediência
Aos brancos-donos de tudo.

A voz de minha mãe
ecoou baixinho revolta
no fundo das cozinhas alheias
debaixo das trouxas
roupagens sujas dos brancos
pelo caminho empoeirado
rumo à favela

A minha voz ainda
ecoa versos perplexos
com rimas de sangue
e
fome.

A voz de minha filha
recolhe todas as nossas vozes
recolhe em si
as vozes mudas caladas
engasgadas nas gargantas.

A voz de minha filha
recolhe em si
a fala e o ato
O ontem- o hoje – o agora.
Na voz de minha filha
se fará ouvir a ressonância
O eco da vida-liberdade.

(Poemas de recordação e outros movimentos, p. 10-11)

 

 

São João está chegando.

Fogueira, bebidas quentes, comidas deliciosas, dança e muita animação, são os ingredientes básicos para um bom arraiá. Claro que para ficar completo tem que ter quadrilha, de preferência daquelas bem grandes com vários casais além dos tradicionais noivos

O que muita gente não sabe é que a nossa quadrilha é de origem francesa.

A história da Quadrilha

A quadrilha teve origem na Inglaterra no século XIII e devido a guerra dos cem anos, entre franceses e ingleses, acabou sendo incorporada e adaptada à cultura francesa.

A dança de salão, coletiva, formadas geralmente por quatro casais, que tinham o nome de quadrille ocorria principalmente em Paris. Em grandes salões palacianos com a participação exclusivamente de membros da aristocracia francesa.
foto-1

Com sua disseminação na Europa, ela chegou em Portugal e se popularizou no Brasil a partir do Século XIX mediante influência da Corte Portuguesa. Inicialmente, no Rio de Janeiro, sede da Corte, ela foi muito bem recebida pela nobreza.

Embora fosse uma dança que acontecia nos meios aristocráticos, mais tarde, ela conquistou o povo e adquiriu um novo significado mais popular.

Herança também no vocabulário

Explicada a origem da quadrilha fica mais fácil de perceber que muitas das palavras que utilizadas como comandos para marcar os momentos da coreografia também são de origem francesa.

Alavantú (en avant tous)- todos os casais vão para a frente

Anarriê (en arrière) – casais vão para trás

Changê (changer/changez) – trocar/troquem o par

Cumprimento ‘vis-à-vis’ – cumprimento frente a frente

Otrefoá (autre fois) – repete o passo anterior

A quadrilha brasileira

Aqui no Brasil a dança passou por um processo de mistura de culturas, principalmente com a nordestina. A coreografia gira em torno de um evento: a comemoração do casamento antecipado (e forçado pelos pais) de uma noiva que fica grávida antes das núpcias.

A música por aqui é mais agitada, inúmeros novos comandos foram inseridos e muitas adaptações acontecem de acordo com a cultura regional, já que em se tratando de Brasil, há muitas peculiaridades em cada uma das regiões.

Texto: Blog
AUTREMENT DIT RIO
Imagem: Internet

 

 

 

CANNABIS (Maconha)

Journal de Québec
Journal de Québec. jpg

Em Québec 12 filiais da Québec Cannabis Society (SQDC) abriram suas portas na quarta-feira. A multidão era tão grande que apenas dois dias após a comercialização a SQDC anunciou várias faltas de estoque.
journaldemontreal.com

Canadenses se alinharam em todo o país na quarta-feira para estar entre os primeiros a consumir maconha legalmente. A mania da legalização da droga, no entanto, criou escassez e preocupações sobre a capacidade da rede legal de atender à demanda.

A metade removida do mercado já é um impacto sobre o Crime Organizado.
Ministro Bill Blair

O Obejetivo é desviar os consumadores do mercado ilícito garantindo que o marketing [legal] não atinja populações vulneráveis e crianças.
Bill Blair, Ministro da Segurança das Fronteiras e Rudução do Crime Organizado.
RADIO-CANADA

Tradução.

ELEIÇÕES 2018

Jair Bolsonaro e Fernando Haddad decidirão eleição para presidente no segundo turno.

2018-09-28t190115z_1202778167_rc16416029b0_rtrmadp_3_brazil-election-poll_ZRpStKb

Os candidatos Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) decidirão quem será o presidente do Brasil pelos próximos quatro anos, segundo os dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgados no domingo (7). Eles disputam a Presidência pela primeira vez.

Esta é a oitava eleição presidencial por meio de voto direto desde a redemocratização, no fim da década de 1980. O vencedor governará o Brasil de 1° de janeiro de 2019 a 31 de dezembro de 2022.

Após a confirmação do resultado, Bolsonaro afirmou que o Brasil não pode “dar mais um passo à esquerda” porque, segundo ele, está à beira do caos. Ele falou em unir nosso povo, “unir os cacos que nos fez o governo da esquerda no passado”.

Haddad também se referiu à necessidade de união. “Queremos unir as pessoas que têm atenção aos mais pobres desse país tão desigual”, declarou. O presidenciável do PT disse que, para isso, contará com “uma única arma: o argumento”.

VIA : G1 — Brasília

Os 147 milhões de eleitores brasileiros deverão votar novamente, em todo o país, no próximo dia 28 de outubro. ( Veja )

MIGRAÇÃO NOS ESTADOS UNIDOS

A separação das crianças dos migrantes, um “crime contra a humanidade”, segundo o Dr. Julien.

Segundo o Dr. Julien, “o vínculo entre pais e filhos é essencial para o desenvolvimento saudável das crianças”. Este laço, quebrado ou cortado por diferentes razões, é um ato de incrível violência “.

O Dr. Julien salienta que “podemos sentir falta de cuidados, comida ou abrigo” quando migramos para uma nova terra de acolhimento “, mas não podemos ficar sem este elo de segurança essencial, a” base de segurança “. Para todos e especialmente para crianças, é a referência única para considerar dias melhores e nutrir a esperança de luz no fim do túnel.

Ele vai além, falando diretamente de um “crime contra a humanidade”.

“Um pai que coloca esse vínculo em risco é rapidamente denunciado à Proteção da Juventude por abuso e negligência. Uma comunidade ou sociedade que remover esse elo essencial terá que ser acusada de um crime contra a humanidade. Os Estados Unidos da América é o único país que não reconhece a Convenção Internacional sobre os Direitos da Criança.

TVA Nouvelles

Em Genebra, a ONU pediu que Washington pare imediatamente de separar as crianças de seus pais presos depois de passar ilegalmente a fronteira com o México.

“Estamos profundamente preocupados com o fato de que a política de tolerância zero recentemente criada ao longo da fronteira sul dos Estados Unidos ter garantido que as pessoas com a entrada ilegal no país estão sujeitas a acusação e que seus filhos – incluindo crianças extremamente jovens – são tirados deles”, disse a porta-voz do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos, Ravina Shamdasani, durante uma conferência de imprensa.

“Os Estados Unidos deveriam parar imediatamente essa prática de separar as famílias e deixar de criminalizar o que deveria ser, no máximo, uma ofensa administrativa, a entrada ilegal ou a permanência nos Estados Unidos”, disse ela. Acrescentou, explicando que separar as famílias e detê-las era uma “grave violação dos direitos da criança”.

leNouvelliste
Tradução
bn5ez9ir_thumb.gif

Julie Payette torna-se o 29º Governador Geral do Canadá (02 de outubro de 2017)

Juli-Payette-L.P._thumb.jpg

Ex-astronauta Julie Payette assumiu oficialmente o comando de Rideau Hall (a residência oficial do Representante da Rainha no Canadá) segunda-feira, tornando-se a 29ª pessoa para o mandato de Governador Geral do Canadá. (La Presse)

Julie Payette em resumo (Fonte: La Presse)

– Titular de um Bacharelado Internacional do United World College of the Atlantic no País de Gales, Reino Unido, Bacharel em Engenharia Elétrica da Universidade McGill e Mestrado em Ciências Aplicadas (Engenharia Informática) da Universidade de Toronto;

– Possui uma licença de piloto profissional com qualificação de hidroavião;

-Fluente em francês e inglês e pode conversar em espanhol, italiano, russo e alemão;

– Pianista, apresentou-se, notadamente, com a Orquestra Sinfônica de Montreal, a voz Piacere de Bâle na Suíça e com o Coro e a Orquestra Barroca Tafelmusik em Toronto.

Citação do Primeiro Ministro Justin Trudeau

Em 27 de maio de 1999, foi um país inteiro que a viu deixar a Terra com orgulho e emoção. Naquele dia, o Canadá estava conhecendo uma cientista consumada, uma astronauta intrépida e uma canadense entusiasta. Uma mulher cujo conhecimento, determinação e curiosidade levaram-na não só a realizar seus próprios sonhos, mas também a alimentar os de todo um país e de toda uma geração. (Fonte : Sympatico)

Julie Payette ( Trechos do discurso )

Em um discurso de 20 minutos pronunciado nas duas línguas oficiais – e, ao mesmo tempo, em Algonquin (Língua dos habitantes nativos da América do Norte) -, sem notas, ela disse que não esperava que o primeiro-ministro Justin Trudeau lhe oferecesse o cargo. (Fonte: La Presse)

A ex-astronauta fez um discurso muito pessoal, enfatizando a importância dos valores canadenses e de unir nossas forças. “Juntos, podemos mover montanhas. É nosso dever, até certo ponto, ajudar a melhorar a vida das pessoas em nossas comunidades, reduzir as desigualdades aqui e em outros lugares “, disse ela. (Fonte: Sympatico)

Eu acredito que aqui no Canadá estamos em uma posição, mais do que nunca, para fazer a diferença. Porque somos ricos em valores de abertura, tolerância, ajuda, compaixão e porque decidimos, como pessoas, compartilhar nossas riquezas tanto quanto possível. Porque acreditamos na igualdade de oportunidades e oportunidades para todos.
(Fonte: Sympatico)

Tradução

 

TERRORISMO EM QUÉBEC

Terrorismo no Centro Cultural Islâmico de Québec (29/01/2017). Seis mortos e cinco feridos em estado grave. Segundo o Dr Julien Clément, chefe do departamento de traumatologia do CHU ( Hospital Universitário em Québec ), os pacientes apresentam uma evolução favorável. Um dos cinco em estado grave já obteve auta do hospital. Entretanto, deux necessitam sempre de cuidados importantes. Trata-se de dois homens de trinta anos de idade ou no começo dos quarenta que foram atingidos por balas no abdomen e nos membros sofrendo fraturas importantes. O prognóstico, no entanto é bom, segundo Dr Clément. O que resta a determinar são as consequências a longo prazo.
Alexandre Bissonette, rapaz de 27 anos e principal suspeito do ataque terrorista, está enfrentando onze acusações, incluindo seis de morte premeditada e também acusado de tentar causar a morte utilizando uma arma de fogo com autorização restrita.
No dia seguinte ao ataque em Québec, os habitantes da cidade se reuniram à noite, para defender a paz e a tolerância. Outras vigílias foram realizadas em várias cidades canadenses como Montreal e Toronto. Milhares de quebequenses reunidos com uma vela, um cartaz ou um bouquê de flores na mão, todos chamando para a paz na esperança de que o Canadá não ceda à febre xenófoba.

Fonte: MSN Actualités ( Tradução )

1341102-plusieurs-citoyens-pris-parole-remercie